fbpx

X



Estagiários são flagrados exercendo ilegalmente funções de profissional da Radiologia em Santos

Fiscalização esteve na Unimed e notificou que unidade providenciasse o afastamento imediato dos estagiários

Na noite de 16/12, a equipe de fiscalização do Conselho Regional de Técnicos e Tecnólogos em Radiologia (CRTR/SP) da 5ª Região, flagrou exercício ilegal da profissão na unidade de Pronto Atendimento da Unimed de Santos, no bairro Boqueirão, no litoral paulista. Na ocasião, estagiários foram encontrados exercendo funções relativas ao Técnico ou Tecnólogo da área.

Ao solicitar conversar com o responsável pela ala de radiologia, na recepção do local, os fiscais do CRTR5 foram apresentados a um homem que confirmou ser TR e responder pelo setor. Ao chegar à sala de raios X da unidade de saúde, que tem como prestadora de serviços técnicos radiológicos da Setec Radiologia Ltda, a fiscalização encontrou mais uma pessoa. Quando solicitaram a Cédula de Identidade Profissional (CIP) dos dois funcionários, ambos relataram ser estagiários. Inclusive, um deles informou estar em seu último dia de estágio.

Para que estudantes possam atuar como estagiários, é obrigatória, além da supervisão de um profissional formado e devidamente registrado, a apresentação do Termo de Compromisso de Estágio, condições que não foram atendidas no momento da fiscalização. Diante disso, a Unimed foi notificado sobre a irregularidade e sobre a necessidade do afastamento imediato dos estagiários das práticas radiológicas, já que – além de ainda não estarem habilitados para operarem equipamentos de raios X, a falta de Registro de Pessoa Física junto ao CRTR/SP caracteriza exercício ilegal da profissão.

O TR que deveria estar supervisionando o setor de radiologia no momento da fiscalização foi autuado por acobertamento do exercício ilegal da atividade radiológica, assim como a Setec Radiologia.