fbpx

Cateteres com sensores eletromagnéticos captam imagens do corpo humano

O método poderá ser utilizado, por exemplo, em exames de angiografia por tomografia computadorizada e por ressonância magnética 

Uma nova maneira de capturar imagens internas do corpo humano foi desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Washington, nos Estados Unidos. A técnica consiste no uso de cateteres com sensores eletromagnéticos, que registam o interior dos vasos sanguíneos e exibem as informações, em tempo real, num óculos de realidade virtual. 

Segundo informações do jornal Correio Braziliense, a tecnologia poderá ser utilizada em qualquer exame de angiografia, incluindo angiografia por tomografia computadorizada e por ressonância magnética, além de ultrassom 3D convencional. Vale ressaltar ainda que os cateteres com sensores eletromagnéticos produzem imagens dinâmicas, que mudam conforme a movimentação do instrumento no corpo – o que garante um tratamento mais rápido e eficiente aos pacientes.

De acordo com Wayne Monsky, professor de radiologia da Universidade de Washington e principal autor do estudo, outra vantagem é a possibilidade de redução dos gastos e a praticidade, já que o equipamento pode ser transportado em uma mala. “Temos esperança de que, no futuro, essa e outras tecnologias relacionadas nos permitam fornecer muitos desses procedimentos endovasculares em ambientes rurais remotos”, relata ao portal.