Regularize seus débitos
Chame no   (11) 98644-0440

Clique aqui e regularize seus débitos



(11) 98644-0440

WhatsApp



CRTR-SP mantém excelência no atendimento on-line durante o trabalho remoto

Equipes da autarquia prosseguem com números expressivos e engajadas no atendimento aos profissionais das técnicas radiológicas no estado de São Paulo

Seguindo as orientações do Ministério da Saúde e do Decreto 64.865, de 18 de março de 2020, diante da pandemia da Covid-19, o CRTR-SP realiza desde o dia 23 de março, o atendimento on-line de forma remota para todos os profissionais das técnicas radiológicas. Até o presente momento (15 de abril), todos os serviços oferecidos pela autarquia são desempenhados com excelência pela equipe de servidores, com praticamente 100% das atividades em funcionamento.

No setor Jurídico, de 23 de março a 15 de abril, foram registrados 887 processos, direcionados aos estabelecimentos em todo o estado, e 12 ofícios e denúncias, encaminhados para a Vigilância Sanitária, Ministério Público do Trabalho (MPT), todos referente à falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPI). Do total de denúncias de estabelecimentos, 4 delas se referem à cidade de Carapicuíba, na Grande São Paulo. Outras cidades que foram oficiadas pelo CRTR-SP são: Guarulhos, Batatais, Mirassol, Urânia, Barueri, Barretos, Santa Virgínia e São Paulo (Capital).

De acordo com o supervisor jurídico, Dr. Gustavo Tomita, apesar das dificuldades impostas pelo atual estado de calamidade pública e pela novidade do teletrabalho, os trabalhos continuam sendo realizados normalmente. “Com os esforços de todas as equipes, bem como auxílio de investimentos em novas tecnologias, os profissionais do setor jurídico, em conjunto com a fiscalização, continuarão lutando para que todos os profissionais das técnicas radiológicas recebam os equipamentos de proteção individual garantidos por lei”, declara Tomita.

Com relação ao setor de Registro, foram computados 4.344 atendimentos no período em destaque, incluindo Pessoas Físicas (PF) e Jurídicas (PJ). Dentre os serviços, a troca de habilitação profissional e reativação, baixa e transferência do registro profissional, além de atualização cadastral, orientações e emissão de certidões de regularidade financeira e negativa e respostas à Carta SPRA (Supervisor de Processos do Registro e Atendimento).

Para o presidente do CRTR-SP, Júlio César dos Santos, estar ao lado dos profissionais da Radiologia neste momento de preocupação e incertezas é primordial. “Precisamos nos unir e lutar contra este inimigo invisível, e no que depender deste regional para facilitar o trabalho dos heróis da saúde que estão na linha de frente contra o Coronavírus, será feito”, disse. Ainda de acordo com Júlio, a luta diária dos profissionais com relação ao fornecimento de EPIs nos estabelecimentos é constante. “Estamos em sintonia com o CONTER no intuito de averiguar todas as irregularidades e denúncias recebidas neste período tão difícil. O zelo pela saúde do profissional, que resulta também no bem estar da população em geral, é nosso compromisso”, reforça o presidente.

A respeito das denúncias neste momento de pandemia mundial e preocupação com a saúde dos profissionais das técnicas radiológicas, foi criado recentemente pelo CONTER (Conselho Nacional de Técnicos, Tecnólogos, Auxiliares em Radiologia), um observatório para auxiliar as instituições a buscarem soluções para a diminuição do índice de contágio, causados pelo Novo Coronavírus. Por meio de um formulário eletrônico, a classe e a população em geral poderão notificar a instituição sobre casos de contaminação entre profissionais das técnicas radiológicas. Os dados possibilitarão ter uma estimativa aproximada de casos, identificar as regiões críticas e direcionar os esforços para proteger a categoria. Os casos de infecção entre profissionais da Radiologia podem ser comunicados por meio do formulário disponível no Portal CONTER – www.conter.gov.br.

No setor de Fiscalização, a equipe do CRTR-SP registrou um total de 5.722 profissionais consultados no período de 23/3 a 15/4, com base no cadastro de 2019. Um total de 863 profissionais foram notificados (Pessoa Física) por conta de débitos com a autarquia. Já em relação às empresas, o número de consultas foi de 264. Entre as denúncias de instituições por falta de EPIs, foram registrados 18 estabelecimentos em todo o estado de São Paulo.

Em relação ao departamento de Cobrança foram registrados um total de 857 acordos no período em destaque, de forma on-line. Somente pelo serviço oferecido via telefone WhatsApp, foram 4.444 atendimentos realizados. Além disso, 1.474 mensagens de e-mails foram recepcionadas e atendidas pela equipe, 1.129 ligações telefônicas e 1.127 tarefas associadas a acompanhamento de acordos e convocações para regularização de débitos, entre outros serviços.

Na luta para conter a propagação do Coronavírus, o CRTR-SP mantém-se firme e certo de que através do teletrabalho, implantado temporariamente, os profissionais da Radiologia continuarão a exercer suas funções — contando sempre com o apoio e serviços prestados por este Regional — sem nenhum prejuízo no atendimento.